metrô em Toronto
Toronto

Metrô em Toronto: tudo que você precisa saber

Andar em Toronto é ótimo para conhecer o estilo de vida dos canadenses. Contudo, algumas atrações turísticas estão mais distante do centro e distrito financeiro. Por isso, usar o metrô em Toronto é ganhar tempo para se deslocar pela cidade.

Entenda as linhas de metrô em Toronto

O metrô de Toronto foi o primeiro do Canadá, inaugurado em 1954. É operado pela Comissão de Trânsito de Toronto (TTC), também responsável pelos bondes e ônibus. São quatro linhas de metrô em Toronto, sendo três subterrâneas.

mapa metrô em Toronto
Mapa do metrô em Toronto

A Yonge-University Line (linha 1 – amarela) é a mais extensa, com 38 estações. Em formato de “U”, ela liga basicamente o sul e norte de Toronto. Saindo da parte norte de Toronto, na direção sul, ela vai até a Union Station, permitindo dessa forma integração com os trens do Canadá. Em seguida, saindo da Union Station, retoma em direção ao norte.

A linha 2 (Bloor-Danforth Line – verde) possui 31 estações, operando na direção leste-oeste, ao longo da Bloor Street e Danforth Avenue. A Scarborough Line (linha 3 – azul) tem 6 estações e funciona como extensão da linha 2. Com formato em “L”, opera a partir da estação Kennedy, da linha 2. Por fim, a Sheppard Line (linha 4 – roxa) tem apenas 5 estações, indo na direção leste-oeste ao longo da Sheppard Avenue East.

Existe uma boa integração entre as linhas. A linha 1 se conecta à linha 2 nas estações de Bloor-Yonge, St George e Spadina. Com a linha 4, a integração acontece na estação de Sheppard-Yonge. Como dito acima, a linha 3 se conecta à linha 2 na estação Kennedy.

Como comprar o passe do metrô e qual tipo escolher

O tipo de passe a comprar, vai depender justamente da quantidade de vezes que você usará o metrô em Toronto. O passe simples, de uma viagem, custava CAD$ 3,25 em agosto de 2019. O valor para jovens de 13 a 19 anos e maiores de 65 anos era de CAD$ 2,10. Crianças até e inclusive com 12 anos não pagam.

Se você for usar o metrô por mais de quatro vezes, vale a pena comprar o passe diário (1-Day Pass). Ele custava CAD$ 13 em agosto de 2019. Foi justamente o que fiz. Comprei o passe diário e conciliei as atrações turísticas próximas ao metrô nesse dia.

Os passes podem ser comprados na bilheteria, mas sem dúvida, a melhor forma é comprar nas máquinas de auto-atendimento. Basta seguir o passo-a-passo que explico em seguida.

como comprar ticket metrô em Toronto
Como comprar bilhete de metrô em Toronto

Clicar em “Tickets”, “Buy Tickets” e selecionar qual tipo de passe vai querer, bem como a quantidade. Logo após, basta selecionar a forma de pagamento. As máquinas aceitam cartão de crédito e dinheiro (cédulas e moedas). No caso de pagamento em dinheiro, é dado troco. Pronto! Agora basta pegar seu bilhete e validar ao entrar na estação.

O interior do metrô é bem limpo e amplo. A quantidade de assentos achei limitada, mas é uma tendência mundial. Além do aviso sonoro de chegada nas estações, há informação visual nos painéis internos.

Atrações que você pode conhecer usando o metrô

Para conhecer locais como a Casa Loma, os shoppings Yorkdale e Eaton Centre, além dos museus como o Bata Shoe Museum, Gardiner Museum e o ROM, sem dúvida a melhor forma é usar o metrô. Aproveite a facilidade de chegar de metrô à Union Station e vá conhecer outras cidades do Canadá, utilizando os trens da Via Rail Canada.

Nossa viagem para Toronto contou com apoio do órgão de Turismo de Toronto e do One King West Hotel que nos recebeu na cidade. Faça sua reserva de hotel em Toronto por aqui e ajude a manter o Panorama de Viagem no ar, atualizado com dicas como essa.

Leo Vidal
Carioca, biólogo, apaixonado por música, filmes e sempre disposto para novas viagens. Compartilha suas dicas de viagem há mais de 5 anos, sempre antenado ao melhor da gastronomia e hotelaria.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *