filmes de viagem
DESTAQUE NA TELA E NO SOM

13 Filmes de Viagem para você se inspirar

Que tal viajar sem sair de casa? Isso é possível de diversas formas, inclusive com os filmes. Além das locações e personagens locais inspiradores, alguns filmes permitem conhecer mais os destinos. Afinal, os próprios destinos às vezes organizam tours inspirados nos filmes também. Por isso, separei 13 filmes de viagem que vão te inspirar a organizar roteiros para viagens futuras.

1 – Cartas para Julieta – Verona

Sinopse: (2010) Em visita à cidade italiana de Verona com seu noivo ocupado, uma jovem chamada Sophie (Amanda Seyfried) visita um muro onde os desiludidos deixam cartas para a trágica heroína de Shakespeare, Julieta Capuleto. Ao encontrar uma dessas cartas, de 1957, a jovem decide escrever à autora, Claire (Vanessa Redgrave). Inspirada pela atitude de Sophie, Claire decide procurar por seu antigo amor.

Este filme me inspirou muito a montar meu roteiro por Verona, a cidade de Romeu e Julieta. A Casa de Julieta realmente existe e as pessoas deixam cartas para ela. Porém, a locação do filme não é exatamente à original de Verona. Para conhecer mais, vale ler o post completo que preparei sobre minha visita à Casa de Julieta. O filme está disponível no Telecine Play.

2 – Comer, Rezar e Amar – Itália, Índia e Bali

Sinopse: (2010) Liz Gilbert (Julia Roberts) pensa que ela tinha tudo que queria na vida: uma casa, um marido e uma carreira de sucesso. Porém recém-divorciada e de frente para um momento de mudança, ela se sente confusa sobre o que é importante em sua vida. Ousando sair da sua zona de conforto, Liz embarca em uma busca de auto-descoberta que a leva à Itália, à Índia e a Bali.

Esse é um clássico filme de roteiro de viagem. A personagem passa por três locais incríveis, vivenciando o melhor que eles oferecem. Eu, particularmente achei o filme fraco, mas pelas paisagens e fotografia, vale a pena assistir. Disponível no Netflix.

Filmes de Romance e Viagem para curtir a dois

3 – Diários de Motocicleta – América do Sul

Sinopse: (2004) Antes de começar seu último semestre de Medicina, Ernesto “Che” Guevara (Gael García Bernal) viaja com seu amigo Alberto Granado (Rodrigo de la Serna) do Brasil ao Peru de motocicleta. Os dois veem de perto as disparidades da América do Sul, encontrando camponeses pobres e observando a exploração do trabalho por industrialistas ricos. Ao chegar em uma colônia de leprosos no Peru, Ernesto percebe que seus valores haviam mudado.

Um filme que mescla história, personalidades e locais incríveis da América do Sul. Exemplo de um filme que já inspirou diversos roteiros de viagem, em especial entre os motociclistas. Além do visual, é um filme que atrai muito mais por ter um Che Guevara retratado muito bem pelo Gael Garcia. Disponível no NOW.

4 – Encontros e Desencontros – Tóquio

Sinopse: (2003) Bob Harris (Bill Murray) é uma estrela de cinema que está em Tóquio para fazer um comercial de uísque. Charlotte (Scarlett Johansson), por sua vez, está na cidade acompanhando seu marido, um fotógrafo de celebridades aficionado pelo seu trabalhado e que a deixa sozinha o tempo todo. Sofrendo com o horário e estranhos em uma terra estrangeira, Bob e Charlotte não conseguem dormir e se encontram, por acaso, no bar de um hotel de luxo. Em pouco tempo, encontram distração, fuga e compreensão um no outro entre as luzes de Tóquio.

Confesso que da primeira vez que assisti, achei o filme chato. Mas depois que fui a Tóquio, tive vontade de rever o filme com outros olhos, daquele que já visitou a cidade. O famoso bar em que as personagens se encontram, no Park Hyatt Tokyo, até hoje é procurado por muitos turistas querendo vivenciar de alguma forma o filme. Inclua no seu roteiro de filmes de viagem. Disponível no NOW.

Inspire-se com Hotéis de Filme para suas próximas viagens

5 – Meia-Noite em Paris – Paris

Sinopse: (2011) Gil Pender (Owen Wilson) é um jovem escritor em busca da fama. De férias em Paris com sua noiva, ele sai sozinho para explorar a cidade e conhece um grupo de estranhos que são, na verdade, grandes nomes da literatura. Eles levam Gil a uma viagem ao passado e, quanto mais tempo passam juntos, mais o jovem escritor fica insatisfeito com o presente.

Sem dúvida, um dos melhores filmes de Woody Allen na minha opinião, já me inspirou a conhecer as locações em Paris. Não só a mim, claro, afinal diversas empresas de turismo parisienses oferecem o tour inspirado no filme. Disponível no NOW.

6 – Nova York, Eu Te Amo – Nova York

Sinopse: (2008) Onze curtas de diferentes diretores mostram que, em Nova York, o amor está em toda parte. As histórias se passam em bairros específicos da cidade, tecendo uma colcha de retalhos do que é a vida na metrópole mais emblemática de nosso tempo.

A melhor forma de conhecer diferentes locais de Nova York é assistindo esse filme que enaltece uma das cidades mais movimentadas e adoradas dos Estados Unidos. Descubra uma Nova York diferente do que estamos acostumados a ver nos demais filmes.

Videoclipes para viajar com a música pop

7 – Para Roma com Amor – Roma

Sinopse: (2012) Roma é o cenário para quatro histórias que reúnem romances e aventuras dos visitantes e residentes desta cidade milenar. Estranhas situações não terminam exatamente como se esperava.

Com este filme, Woody Allen tentou alcançar novamente o sucesso de Meia-Noite em Paris. Apesar de não ter conseguido, o filme traz belíssimas cenas da capital italiana. Viajar por Roma junto às personagens dessas histórias que se entrelaçam é, certamente, tão gostoso como estar lá ao vivo. Disponível no NOW.

8 – Paris, Te Amo – Paris

Sinopse: (2006) O filme é composto por dezoito histórias que se passam em Paris. Em uma delas, um homem considera deixar a esposa para ficar com a amante.

Precedente de “Nova York, Eu Te Amo”, acho mais encantador e melhor apresentado que seu sucessor. Ademais, locais comuns e ouros pouco visitados como o cemitério Père Llachaise, servem de locações para essas histórias. Um dos meus preferidos desta lista de filmes de viagem.

9 – Paris Pode Esperar – Sul da França

Sinopse: (2016) Anne (Diane Lane) está casada com o produtor de cinema Michael (Alec Baldwin). Ele a ama muito, mas não tem tempo para dedicar à esposa. Por isso, no trajeto de Cannes até Paris, Anne é acompanhada pelo sócio de seu marido (Arnaud Viard). O trajeto deveria demorar sete horas, mas ao longo de várias paradas, eles passam a se conhecer melhor enquanto apreciam as paisagens francesas.

Sem dúvida, meu preferido dessa lista de filmes de viagem. Talvez por ainda não conhecer tão bem essa região do Sul da França. Além disso, o filme retrata tão bem o joie de vivre francês, que você quer fazer o roteiro junto com as personagens do filme. Disponível no Telecine Play.

10 – Resgate do Coração – África

Sinopse: (2019) Quando o marido termina abruptamente o casamento, na véspera de uma viagem que tinha sido combinada há meses, Kate (Kristin Davis) embarca em uma segunda lua de mel na África, encontrando um novo objetivo para sua própria vida. Enquanto renova suas forças, Kate também se depara com um romance em potencial quando conhece Derek (Rob Lowe), um conservacionista de elefantes.

Uma comedia romântica de Natal leve, e diria até boba, lançada no último Natal pelo Netflix. Entretanto, os cenários da África e o conceito de safáris estão bem retratados, o que torna um bom integrante de filmes de viagem. Disponível no Netflix.

11 – Sideways – Entre Umas e Outras – Califórnia

Sinopse: (2004) Miles Raymond (Paul Giamatti) é um homem depressivo, que tenta se tornar um escritor. Miles é fascinado por vinhos e decide dar como presente de despedida de solteiro a Jack (Thomas Haden Church), seu melhor amigo, uma viagem pelas vinículas do Vale de Santa Inez, na Califórnia. Eles partem juntos na viagem, mas logo se envolvem com duas mulheres. Jack conhece Stephanie (Sandra Oh), a funcionária de uma vinícola local, que faz com que ele queira anular seu casamento, que está marcado para daqui a poucos dias. Já Miles se interessa por Maya (Virginia Madsen), uma garçonete que tem o mesmo apreço por vinho que ele.

Filme perfeito para quem gosta de Enoturismo. A história se passa na região das vinícolas californianas, dando aquela vontade de tomar um bom vinho californiano. Sugiro inclusive assistir ao filme, com uma taça ao lado, certamente será uma experiência deliciosa. Disponível no Telecine Play.

Filmes com Vinho para harmonizar a telinha com a taça

12 – Sob o Sol da Toscana – Toscana (Itália)

Sinopse: (2003) Frances Mayes (Diane Lane) fica devastada ao descobrir que seu marido é infiel. Sua melhor amiga Patti (Sandra Oh), com a intenção de ajudar, sugere que ela faça uma viagem pela Itália. Frances gosta da ideia e, durante o passeio, impulsivamente decide comprar uma casa em um vilarejo toscano. Agora a recém-divorciada inicia uma nova vida ao lado de personalidades interessantes, incluindo o bonito Marcello (Raoul Bova).

A Toscana é um dos destinos que ainda tenho muita vontade de conhecer. Já assisti algumas vezes o filme e sempre reacende o desejo de conhecer a região. Assim como sugeri para “Sideways”, tomar um bom vinho da Toscana assistindo ao filme, será perfeito. Disponível no Telecine Play.

13 – Vicky Cristina Barcelona – Barcelona

Sinopse: (2008) As americanas Vicky (Rebecca Hall) e Cristina (Scarlett Johansson) chegam à Espanha de férias. Elas vão até uma galeria de arte onde conhecem o sedutor pintor Juan Antonio (Javier Bardem), que as convida para passar o final de semana com ele. Porém as coisas complicam quando sua ex-namorada aparece em sua casa e o flagra com as duas americanas.

Como não sou fã da Rebecca Hall, criei um pouco de implicância com esse filme. Contudo, é notável a quantidade de locais de Barcelona que são retratados no filme. Até porque me deixou com vontade de voltar à cidade quando assisti. Disponível no NOW.

Esses são apenas alguns filmes de viagem que sempre que revejo, viajo junto com a história. Certamente existem diversos outros. E você, acrescentaria algum a essa lista de filmes de viagem? Qual (is)? Deixe sua lista nos comentários e, dessa forma, ajude novos leitores a se inspirar para suas viagens.

Leo Vidal
Leo Vidal
Carioca, biólogo, apaixonado por música, filmes e sempre disposto para novas viagens. Compartilha suas dicas de viagem há mais de 5 anos, sempre antenado ao melhor da gastronomia e hotelaria.

15 thoughts on “13 Filmes de Viagem para você se inspirar

  1. Ah!!!! Nada como uma boa inspiração através da sétima arte!!!! Por causa destes filmes viajei cheia de amor para Barcelona, curiosa para Tóquio, temerosa para Nova York, divertida para Roma, apaixonada para Verona… Amei viajar com Che pela América do Sul e não vejo a hora de conhecer a França. Os filmes não só inspiram, mas nos levam para outros mundos, sem que a gente saia do sofá.

  2. Filmes e livros em diferentes locações realmente podem despertar uma curiosidade e vontade loucas de conhecer os lugares. Assisti a maioria dos filmes dessa lista, e o meu preferido é Sideways, que assisti já há muitos anos e o post me deu vontade de revê-lo…

  3. Adorei a lista, alguns já até vi mas com essa opções vou atualizar as opções para passarmos esse período de forma mais leve possível. E com certeza também vai servir para nos inspirar para os próximos destinos.

  4. Adoro vários desses filmes, mas tenho alguns pendentes ainda rs. Vicky Cristina Barcelona eu tava enrolando pra ver, mas quando marquei minha viagem pra Barcelona, a 2a coisa que eu corri fazer foi justamente ver esse filme pra depois ir atrás das locações lá na Espanha rs (a 1a coisa foi comprar um ingresso pra um jogo do Barça!).

  5. Já vi muito o anuncio desses filmes, alguns quando rolamos para encontrar na Netflix, confesso que não tinha assistido a nenhum deles. Nessa quarentena talvez eu assista uns da lista, depois dessa pandemia parece que a vontade de visitar outros lugares ficou em ultimo lugar, mas quem sabe tudo volta ao normal. Gostei das dicas :*

  6. Sempre que consigo, eu gosto de ver esses filmes meio Sessão da Tarde que são de aquecer o coração. Eu gosto muito de cartas para julieta, esse filme é realmente a coisa mais linda, mesmo que hoje em dia eu critique um pouco, ele é aquele Guilty Pleasure que a gente ama kkk
    Alguns dos que você citou eu não conheço, vou anotar aqui pra poder ver depois. Adorei o post!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *