Dia do Vegetarianismo
GASTRONOMIA ROTEIROS

Sugestões para o Dia do Vegetarianismo no Rio

No dia 1° de outubro é comemorado o Dia do Vegetarianismo, data que foi estabelecida em 1977 pela Sociedade Vegetariana Norte Americana. A data promove o respeito por todos os que escolhem colocar a carne fora dos seus cardápios. E para celebrar a ocasião, alguns restaurantes do Rio apostam em opções de pratos sem carne.

Allma – O restaurante flexitariano comemora o dia do vegetarianismo com o Buddha Bowl Vegetais com abóbora, cenoura e cebola roxa assadas, couve kale, tabule de quinoa, beringela, tomate cereja, servido com molho tahine de castanhas. Ainda o Risoto de manga com coentro, gengibre e alho poró. Por fim, o Hamburguer Faláfel feito de grão de bico com beterraba e zaatar, babaganush, coalhada seca da casa, hortelã, repolho roxo fermentado, cebola roxa, pepino, cenoura e queijo boursin.

Boteco Boa Praça – Localizado na famosa praça Cazuza, oferece como opção sem carne o mini burger, feito de feijão fradinho com aveia e funghi seco. Ele chega grelhado e defumado à mesa. Além do Wrap de falafel, pão folha recheado com homus, alface, tomate, folhas verdes e o original falafel árabe.

Brewteco Leblon – Por lá saem petiscos sem proteína animal como bolinho de arroz bem cremoso, recheado de queijo e acompanhado de geléia de pimenta. Ou então o queijo coalho arretado, grelhado, servido com orégano e melaço. Tem também a porção com 10 unidades dos dadinhos de tapioca feitos com queijo coalho e acompanhado de geleia de pimenta ou goiabada cremosa, além das batatas rústicas, batata palito frita caseira com casca e aioli. Sem esquecer do pão de alho preparado com pasta de alho da casa feita com queijo coalho.

Celeiro – Oferece um selecionado balcão de saladas, carro chefe da casa, com mais de 15 opções vegetarianas. Entre as apostas para o dia do vegetarianismo, destaque para as saladas de grão de bico, grão de bico com couve kale, abóbora grelhada com couve kale, gorgonzola e semente de abóbora  caramelizada, carpaccio de legumes e mix de quinoa com frutas secas.

Dom Chopperia – Aposta nas bruschettas de abacate, tomate, mussarela de búfala, rúcula e castanha de caju, além do hambúrguer de lentilha, pão, creme de queijo, alface americana, tomate confit e cebola caramelizada.

Encarnado Burger – Para o Dia do Vegetarianismo, o chef Pedro Mattos criou o Desencarnado Burger (R$ 32). O vegetariano é preparado com Burger do Futuro, azeite defumado artesanal e sour cream. Cebola roxa traz o croc final para a delícia. Tudo isso dentro de um amanteigado brioche fofinho.

Esch Café – O destaque vai para o nhoque de batata doce na versão sem jamon e no risoto de alho poró e rúcula. Além disso, quem pedir um dos pratos ganha um bolo de chocolate de sobremesa para finalizar a refeição com chave de ouro.

Ferro e Farinha – Conhecida pelas pizzas de fermentação natural, a pizzaria oferece entradinhas como a abobrinha, lâminas de abobrinha, cogumelos marinados e assados, pesto de agrião e amêndoas tostadas e torradas à lenha; e cogumelos shitake, shimeji rosa e Paris grelhados com shoyu e dip de couve flor queimado na lenha, com torradas à lenha. E para os fãs das redondas as opções são a Marinara com molho de tomate san marzano, tomates marinados, alho laminado, orégano e azeite. Ou a Adobo Verde preparada com molho de tomate, grana padano, couve marinada em shoyu e gengibre, mel picante e tomates marinados.

Gurumê – No restaurante japonês as sugestões sem origem animal chegam à mesa com texturas que impressionam. Destaque para o Hot Chevre (oito rolls empanados na farinha panko recheados com queijo chevre vegano, finalizados com cebola roxa caramelizada no shoyu cítrico) e o Combinado Gurumê vegano de 20 peças.

Liga dos Botecos – Bruno Magalhães, chef do bar sensação, em Botafogo aposta na diferenciada Guacamole de Jiló (R$ 29,90). O petisco é preparado à base de saborosa pasta de jiló, cebola roxa picada, tomate, coentro, pimenta dedo de moça e limão. A delícia é servida com nachos de pastel. 

Liz Cocktail & Co – Para acompanhar os inúmeros coquetéis em sua carta, os vegetarianos podem optar pelo delicioso mix de chips feito com uma combinação de raízes brasileiras e banana da terra verde, extremamente crocantes. Além disso, o taco vegetariano, mix de cogumelos, creme de abacate, coentro, pimenta dedo de moça e cebola roxa.

Massa + Ella – O chef Pedro Siqueira celebra o dia do vegetarianismo com o gondole recheado com pera e maçã ao molho cremoso de gorgonzola e crocante de castanha. O Pastelini recheado com ricota cremosa de búfala, molho de mini tomates doces, manjericão e crocante de castanha também é o protagonista da temporada. 

Nola – A sugestão para o dia do vegetarianismo são as saladas de queijo de cabra com abóbora assada, a de beterraba com queijo feita e a muçarela toscana, rúcula, muçarela de búfala, tomate seco, amêndoas crocantes, focaccia artesanal e redução balsâmico. Além da entrada piadina, pão pita artesanal italiano com muçarela de búfala, tomate seco e molho pesto artesanal. Já os pratos quentes ficam por conta do “Nola Veg Burger” com “bife” 100% vegetal com queijo minas padrão, ketchup de beterraba, chips de baroa e mix de folhas. Para quem é fã de massas, não pode deixar de experimentar a lasanha vegetariana gratinada, feita com berinjela, abobrinha, cebola, tomate e muçarela de búfala com pesto artesanal. Outra sugestão é o espaguete abobrinha alfredo gratinado com muçarela de búfala e tomate seco. E por fim, fettucine da casa ao pesto artesanal com burrata gratinada, limão siciliano e páprica, nhoque de batata doce com ragu de cogumelo.

.Org Bistrô – A chef Tati Lund destaca para o dia do vegetarianismo o Salpicão com vegetais coloridos da horta, maionese de castanhas e chips de batata doce. Outra opção é a Pizza fermentada com massa de batata doce sem glúten, creme de cebola caramelada, couve no gengibre, alho doce, kimchi e sauerkraut.

Pain Perdu Boulangerie – A padaria sugere uma lista de pães veganos para ninguém colocar defeito. São as baguetes tradicionais e multigrãos, a broa de milho, as ciabattas natural e cebola refogada, as campanhas natural, integral e cacau e as focaccias.

Po’Boyz – Comandado pelo chef Pedro Attayde, a novidade para o Dia do Vegetarianismo é o Veggie Bahn Mi (R$ 26,90). Vegetariano e mais leve, o sanduíche é preparado com ouve flor tostada no azeite de curry, pasta de tomate assado, pepino fresco, picles artesanal de cenoura, maionese de chilli e coentro fresco. Tudo isso dentro de uma baguete fresquinha e crocante por fora.

Stuzzi – O gastrobar dedicado a pequenas porções, oferece para o dia do vegetarianismo o trio de bruschettas – a clássica de tomate, queijo de cabra com figo e mel e funghi gratinado. Outra opção também é o risoto de açafrão com legumes. E a novidade, é que quem pedir qualquer um dos pratos, ganha um shot de drinque.

Teva – O restaurante e bar de vegetais aposta no Seitan à milanesa ao molho Béarnaise com arroz maluco, batata palha e couve Kale refogada com alho (R$ 58). O prato também está disponível pelo delivery próprio e iFood.

Togu – A sugestão para o dia do vegetarianismo é o combinado veggie e gyoza de edamame. E para o cliente que pedir um dos itens, ganha um sunomono vegano.

Zaya – O gastrobar oferece deliciosos petiscos para os vegetarianos. Entre as opções, Bao Vegano (foto de capa), pão chinês tipo bao servido com berinjela empanada, maionese verde de abacate e picles de pepino e cebola roxa. Ainda o Spring Roll, mini rolls vietnamitas versão Zaya com ceviche de banana da terra, toque refrescante de gengibre e hortelã e sour cream. Também a Bolinha de Baroa Trufada, bolinhas crocantes de baroa assada, recheadas com queijos, servidas com uma fonduta de queijo grana padano. Completando, Pastel gruyère, massa crocante recheadíssima com tomilho, cebola roxa caramelizada e queijo gruyère. E para sobremesa, Fruit Drops, delicioso picles de frutas da estação servido com um toque especial da casa, raspas de limão siciliano e flor de sal; e Floresta de Brigadeiro, seleção de brigadeiros em sabores criados pelo chef, como por exemplo Caipirinha, Avelã, Doce de Leite com Canela, Chocolate 70% e Pistache. 

Leo Vidal
Carioca, biólogo, apaixonado por música, filmes e sempre disposto para novas viagens. Compartilha suas dicas de viagem há mais de 5 anos, sempre antenado ao melhor da gastronomia e hotelaria.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *