Quando voltar a viajar
DESTAQUE NOTÍCIAS

Quando voltar a viajar? Já parou para pensar nisto?

A pergunta que não quer calar entre os que amam viajar é: quando voltar a viajar? Apesar da flexibilização do isolamento social em diversos países, muitas fronteiras ainda permanecem fechadas. Além disso, muitas questões em relação à segurança dos meios de locomoção permeiam a mente dos viajantes. Por isso, baseado nos dados da pesquisa que fizemos em nosso instagram, tentamos te ajudar a decidir quando voltar a viajar com segurança.

Nossa pesquisa revelou que 68% de pessoas cancelaram viagens internacionais e 67% cancelaram viagens nacionais por conta da pandemia. As razões já são conhecidas: voos cancelados, fronteiras fechadas, medo e insegurança. Claro que o Panorama de Viagem está incluído nesta estatística, já que cancelamos uma viagem nacional e duas internacionais para este ano de 2020.

A retomada do turismo em diversos países no mês de junho desperta a vontade de viajar. Mas será que já é época para viajar? Quando voltar a viajar com segurança?

Viagens Nacionais serão prioridade?

A pesquisa realizada em nosso Instagram no final de maio, indicou que 85% das pessoas eram a favor de manter o isolamento social. Entretanto, diante de uma situação em que já fosse possível viajar, a maior parte das pessoas pretende realizar viagens nacionais.

Dicas de locais para viajar dentro do Brasil

Ainda assim, a intenção de viagens nacionais se daria em 4 a 6 meses após o fim da pandemia (34,2%) ou no início de 2021 (32,8%). Estes dados vão de acordo com a opção de transporte para as viagens, onde o carro foi o mais votado (61,9%). Ou seja, as pessoas pretendem fazer viagens para locais relativamente próximos de onde moram.

Viagens Internacionais só em 2021?

Em relação às viagens internacionais, definir uma data quando voltar a viajar é mais difícil. Isto porque depende da abertura das fronteiras para turistas internacionais, bem como da disponibilidade de voos operando estas rotas.

Outra questão que pode vir a preocupar muitos brasileiros, infelizmente, é o impedimento de entrada nos países. Por falta de uma política severa contra a disseminação da COVID-19 no país, o Brasil se tornou epicentro da pandemia no final de maio. Consequentemente, os Estados Unidos impediram temporariamente a entrada de brasileiros em território americano. A chance dessa medida se repetir em outros países é grande. Dessa forma, muitos sonhos de viagens internacionais podem ser adiados.

De qualquer forma, considerando a hipótese de total liberdade para viagens internacionais, a pesquisa indica que apenas 10,3% dos participantes realizariam esse tipo de viagem ainda em 2020. Consequentemente, a maioria pensa em viajar para fora do Brasil apenas em 2021, sendo 33,8% adeptos a realizar a viagem ainda no 1o. semestre.

Diante de tamanha incerteza, 32,3% dos participantes não tem previsão de viajar internacionalmente. Este fato, inclusive, vai de acordo com o grande motivo de impedimento de viagens, que seria a moeda estrangeira. Ou seja, em uma situação hipotética de total segurança à saúde, 54,2% dos participantes deixaria de viajar por conta da alta das moedas estrangeiras.

Qual perfil das futuras viagens?

Levando em consideração, uma situação de total segurança à saúde em viagens, ainda assim, 27% dos participantes deixariam de viajar por medo. A verdade é que o perfil de viagem será afetado pós-pandemia.

Viagens de cruzeiro seriam evitadas, já que nenhum participante elegeu os navios como meio de transporte na retomada de viagens. Já os voos de avião são aceitos e considerados por 36,5% dos participantes.

Considerando as viagens futuras, a maior parte dos participantes (82%) prefere que sejam viagens ligadas à natureza. Provavelmente, para evitar locais fechados ou grandes aglomerações em cidades grandes.

Em relação à gastronomia, 71,6% dos participantes consideram frequentar os restaurantes em sua cidade ou em viagem, em até 2 meses após abertura oficial. Neste caso, são consideradas todas as medidas de proteção à saúde e bem-estar.

Quando voltar a viajar – Conclusão

Com base nessas informações, podemos ter um perfil de viagens voltado a natureza e locais abertos, em sua maior parte, para locais próximos à cidade onde mora. Provavelmente as viagens nacionais terão uma grande procura, algumas ainda para este ano. Já as viagens internacionais devem ser retomadas apenas em 2021, de acordo com as normas impostas pelos países de destino.

E você, já pensou quando voltar a viajar? Conta para nós, deixando seu comentário.

A pesquisa realizada em nosso Instagram não tem fins científicos, apenas reunir dados estatísticos para embasar esta matéria.

46 thoughts on “Quando voltar a viajar? Já parou para pensar nisto?

  1. Muito bom ter uma idéia de como as pessoas estão pensando! Eu espero viajar ainda esse ano pra Portugal. No final do ano, quem sabe no natal, para visitar meus sobrinhos. Já que a minha viagem em junho teve que ser cancelada!

    1. Sim, vamos torcer para que essa vacina chegue logo ao domínio da população e possamos voltar a viajar livremente. Mas ficou o aprendizado.

  2. Adorei o post! Bem isso! Nacionais e de carro serão prioridade! Mas ainda tenho esperança de uma viagem internacional que planejo ha um tempo, em dezembro…

  3. Teremos que nos readaptar aos novos moldes de turismo e consequentemente de turistas. Muito bom mesmo esse post!!!! Espero muito conseguir fazer minha viagem nacional (aérea) em setembro. Era para maio e tivemos que remarcar para meu próximo periodo de férias…

  4. É difícil prever quando voltar a viajar, né?!
    Eu cancelei todas minhas viagens de 2020 e penso em viajar apenas em 2021 dentro do Brasil mesmo. E isso dependendo de como estiver a situação!

    O jeito é aguardar para ver como tudo vai desenrolar…

    Abraço!

    1. Pois é, Murilo. Cancelamos todas nossas viagens de 2020 também. Acredito que este ano só faça viagens para perto do Rio, isso se as coisas se estabilizarem.

  5. Complicado prever um retorno, né? Com tantas incertezas, cancelei todas as viagens desse ano e ainda não sei se vou voltar a viajar ainda em 2020. Se as coisas estiverem mais claras e mais seguras, talvez no final do ano, dentro do Brasil e perto de casa. Enquanto isso, sigo confiando em dias melhores! =)

  6. Adorei o post. Tudo ainda esta muito incerto, acho que viagem internacional só deve rolar em 2021, mas assim que começar a abrir pretendo viajar aqui por perto.

  7. Tenho pensado bastante em quando voltar a viajar. Sua pesquisa reflete exatamente o que tenho em mente. Viajar pelo Brasil, para locais de natureza, sem grandes aglomerações e viagens internacionais só em 2021. Acho que é o mais sensato. Torcendo para que essa Pandemia acabe logo e possamos retomar nossas vidas com saude e segurança.

    1. Luciana, retomar nossos planos de viagem será uma tarefa a ser pensada com muita cautela mesmo. Vamos torcer para que as viagens possam ser feitas em segurança o quanto antes.

  8. Nem consigo pensar nas minhas próximas viagens no momento…. Quase certeza que só vai ser possível fazer coisas q eu não curto: viagens de carro, natureza etc… Eu quero visitar museus! Cidade grande, agito… aiaiai Até penso em fazer alguns bate-voltas que sempre ficam pra trás, mas nem considero isso viagem.

  9. Leo pelo pouco que venho me informando as viagens internacionais nunca mais serão o mesmo depois dessa pandemia, e certamente da pra entender. Acredito que vai ficar um pouco mais difícil ir para outros países e a burocracia vai aumentar. Contudo estou a espera de começar a viajar para a cidadezinha aqui perto de Fortaleza, visitar a natureza, ver a praia. Esse tempo de quarentena nos fez valorizar muito o que temos de valor sentimental que material.

    1. Pois é Aline, acho que o retorno de viagens será gradual inclusive em relação aos destinos. Começaremos viajando para locais próximos dentro do Estado, depois dentro do Brasil e mais para frente, viagens internacionais voltarão a ser uma realidade e com segurança.

  10. Adorei ver como as pessoas estão pensando em relação a voltar a viajar. Realmente esta pandemia nos prendeu em casa e a vontade de viajar agora está presa dentro de nós. Torcendo pra que tudo isso passe rápido!

  11. Eu acho que as viagens nunca mais serão como antes depois de tudo isso. Tenho esperança de que no ano que vem eu consiga realizar o meu sonho de conhecer as ilhas da Tailandia. Vamos ver, enquanto isso vamos tentando explorar o Brasil.

    1. Está tudo muito incerto mesmo, os parques em Foz Iguaçu já estão começando a fechar novamente. Acho que o momento ainda não é ideal para o retorno das viagens mesmo no Brasil. Vamos acompanhando e viajar apenas quando for seguro para nós e todos ao nosso redor.

  12. Eu cancelei 2 viagens grandes, Alemanha e Peru, e outras locais. Ainda sem conseguir ver a luz no fim do túnel pra voltar a cair no mundo. Ansioso pela nova realidade do turismo. Sentindo muita falta de viajar.

  13. Excelente texto sobre “Quando voltar a viajar”! É um tema que sempre discutimos aqui em casa! Já tínhamos várias viagens de 2020 planejadas, hospedagens reservadas, roteiros montados etc.. Enfim, queríamos logo voltar a viajar, mas sabemos que é necessário permanecermos isolados! Mas, quando for prudente, vamos viajar de carro, para local mais aberto e sem aglomeração, e para destinos mais próximos de casa mesmo.

    1. Deyse, tive que cancelar algumas viagens também e confesso que quando se aproxima as datas oficiais da viagem fico até meio triste. Mas claro, que é uma frustração momentânea, importante é estarmos bem e ter a certeza que poderemos fazer essa viagem em um outro momento.

  14. Estamos num momento muito instável. Difícil saber quando voltar a viajar, pois mesmo que muitas cidades reabram para turismo, qual a nossa garantia de segurnaça? Sem vacinas, sem tratamentos, fica bem difícil. Eu vou preferir ficar em casa e adiantar outros planos pessoais ou então viagens de carro mesmo. Muito interessante teu post.

    1. Oi Mairim, a incerteza de segurança acho que é o principal motivo de impedir as pessoas de viajarem em um futuro próximo. Para mim, ficar preso em um país porque ele fechou as fronteiras novamente por conta de uma nova onda, é o medo principal.

  15. O turismo nesse mundo pós pandemia é uma grande interrogação. Ainda sem conseguir vislumbrar a possibilidade de voltar a viajar. A vontade é grande, mas ainda é momento de ficar em casa. Adorei o post.

    1. Lucio, concordo com você que ainda estamos sem ter uma posição de viagens ainda em agosto. Mas a tendência de viagens para locais mais próximos e destinos nacionais, acredito que segue a mesma.

  16. Eu concordo, o cenário será diferente, viagens mais próximas num primeiro momento e mais longas e internacionais, acho que só no ano que vem. Agora é torcer para essa vacina sair e podermos voltar a viajar.
    abraços

  17. Concordo contigo quanto ao tema ” Quando voltar a viajar “. Estou na expectativa também, mas, com certeza será no Brasil o meu primeiro destino pós quarentena.

  18. Tá muito difícil planejar a próxima viagem agora, para nós ainda não há perspectiva. Pra falar a verdade, queria esperar pela vacina até pra sair de casa, rs, quem tem crianças fica ainda mais inseguro né?! Vamos torcer pra tudo acabar bem.

    1. Sim Fabiola, com criança fica um pouco mais difícil, já que o controle tem que ser ainda maior em relação a onde coloca a mão, a brincar… mas espero que em breve consigamos. Uma alternativa seria viajar para algum local próximo, mais exclusivo com as crianças.

  19. Quando voltar a viajar é uma questão que não sai da minha cabeça, afinal não vejo a hora de sair desta quarentena e respirar novos ares. Mas, infelizmente, precisamos ter critérios também para manter a nossa segurança e a de todos que nos cercam. Vamos torcer para que tudo se resolva logo. Adorei os resultados da pesquisa!

  20. Já parei pra pensar também escrevi sobre isso. Acho que a melhor forma de voltar a viajar é de carro. Viagens de aventura e longe de aglomerações! Ótimo texto, compartilhamos da mesma opinião!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *