NOTÍCIAS

Kobra inaugura mural em Mônaco

O artista Eduardo Kobra inaugurou seu primeiro mural em Mônaco. A obra retrata uma crítica ao aquecimento global e simboliza o posicionamento sustentável do país. Kobra é reconhecido por suas artes impactantes que geram reflexões sobre causas sociais e ambientais.

Seu mural em Mônaco foi inspirado na obra “A Persistência da Memória”, de Salvador Dalí (1904-1989), retratando os conhecidos relógios derretendo nas geleiras da Antártida. Esta é uma crítica às ações humanas responsáveis pelo aquecimento global e que prejudicam o meio ambiente.

Mônaco é um país muito engajado em causas sustentáveis e a arte de Kobra com certeza ajudará a chamar a atenção de todo o mundo para o aquecimento global. O artista também cedeu oito cópias de uma versão reduzida da obra, que serão colocadas à venda para angariar fundos e apoiar projetos beneficentes e ambientais da Associação Brasil Monaco Project e da Fundação Prince Albert II.

O mural de 12 metros de largura por 7 metros de altura, ficará exposto no rochedo de Mônaco indefinidamente, atraindo atenção de viajantes de todas as partes do mundo.

Redação
A equipe de redação do Panorama de Viagem está sempre buscando trazer as principais novidades do mundo do turismo. Hotéis incríveis, destinos inusitados e eventos imperdíveis. Tudo para fazer o leitor se inspirar e viajar cada vez mais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *