Festival Varilux
NA TELA E NO SOM

Festival Varilux de Cinema Francês começa hoje

Começa hoje, dia 06 de junho, o Festival Varilux de Cinema Francês 2019. O evento apresenta a cinematografia francesa contemporânea em toda sua diversidade.

Ação, comédia, animação, drama e filmes históricos. O melhor do cinema francês chega mais uma vez ao Brasil no festival que acontece até dia 19 de junho. Em sua 10ª edição, o Festival Varilux traz uma programação com 16 longa-metragens recentes e um clássico. Além disso, um filme de ação com uma sessão aberta ao público apenas no Rio de Janeiro.

O Festival Varilux acontece em 78 cidades em todo o país, inclusive cidades onde estão 21 unidades do SESC. São Paulo e Rio de Janeiro receberão ainda a delegação artística formada por atores e diretores. O público terá a oportunidade de assistir aos mais novos trabalhos de cineastas, astros e estrelas consagradas e também de premiados jovens talentos que imprimem diversidade e originalidade ao cinema francês.

Filmes do Festival Varilux

Entre os filmes em destaque, “Quem você pensa que sou” com a premiada Juliette Binoche. Ela divide a cena com François Civil, ator em ascensão que prestigiará o festival, divulgando a comédia romântica “Amor à segunda vista”.

O cinema francês faz questão de abordar questões sociais. Assim, dois filmes encenam o tema escaldante do abuso sexual. O premiado “Graças a Deus” de François Ozon, retrata a história real do padre acusado de molestar dezenas de meninos entre os anos 80 e 90. Também premiado, “Inocência Roubada” é baseado na história real da diretora do filme. Ele mostra a dança como um meio de superar traumas sofridos a partir de abusos sexuais na infância.

Em julho, comemoram-se 230 anos da Tomada da Bastilha, evento histórico retratado em “A Revolução em Paris”. O filme retrata a história da luta dos franceses por seus direitos. O clássico escolhido para este ano é “Cyrano de Bergerac” com o consagrado Gérard Depardieu. Mas a personagem é tema também de outro filme recente, a cinebiografia “Cyrano Mon Amour”.

No dia 09 de junho, às 19h30, será exibido, apenas no Rio de Janeiro, o thriller de ação “O Chamado do Lobo”. Estrelado por Omar Sy e François Civil, o longa será exibido no Espaço Cultural da Marinha, no Centro do Rio. No locl serão instalados um telão e cadeiras confortáveis. As senhas devem ser retiradas no local uma hora antes.

Além da exibição dos filmes, o festival realiza também atividades paralelas como sessões com debates com participação de integrantes da delegação. Ações e sessões educativas também têm vez. Para consultar a programação completa na sua cidade, acesse o site do festival.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *