Machu Picchu

Hatun Inti: hotel em Machu Picchu

Para subir Machu Picchu, certamente você terá que passar pela cidadezinha de Águas Calientes. E mais, se não fizer um bate e volta para Cusco, precisará pernoitar na cidade. Foi justamente o que eu fiz e aconselho que se faça. Minha escolha de hotel em Machu Picchu foi o Hatun Inti Boutique é o local ideal para se hospedar com conforto, seja para relaxar depois de ter tido a experiência maravilhosa de ir a Machu Picchu ou descansar para uma boa subida à montanha no dia seguinte.

Quando me hospedei no Hatun Inti em abril de 2014 tive uma excelente experiência, só não foi melhor porque já chegamos no hotel à noite, porém foi válido porque tivemos conforto necessário para descansar do dia inteiro de passeio pelos sítios arqueológicos de Pisac e Ollantaytambo.

O Hatun Inti fica na estação de trem de Águas Calientes, é praticamente cruzar a pé a linha do trem e já chegar no hotel. Além da localização prática para a chegada de trem, seja vindo de Cusco ou de Ollantaytambo, ele fica a 5 minutos a pé do ponto de onde sai o ônibus que leva ao parque de Machu Picchu.

Chegando ao hotel fomos muito bem recepcionados, o pessoal foi muito solícito. Nossa reserva dava direito a um voucher para jantar, ao recebermos a chave do quarto, já recebemos nosso voucher e como o horário para jantar já estava próximo de acabar, deixamos as coisas no hotel e fomos direto comer. Ao chegar no quarto fomos recepcionados com esse mimo que o hotel deixa em seus quartos.

Voltando do jantar, fomos aproveitar o que o quarto realmente oferecia. A decoração do quarto é rústica com móveis em madeira, televisão, mesa e poltronas. A wi-fi funcionava muito bem no quarto e a cama era muito confortável. Como não estava tão frio, não chegamos a usar a lareira, o que deixou uma vontade de se hospedar novamente em uma época mais fria para poder usá-la nessa próxima vez.

Antes de dormir, um bom banho para relaxar foi providencial e mais uma vez o hotel nos proporcionou um bom conforto. O banheiro é bem amplo e conta com um chuveiro espaçoso e uma deliciosa banheira de hidromassagem. Na pia se encontravam alguns sais de banho que usei para relaxar um pouco na banheira. Da janela do banheiro também podíamos ver e ouvir as águas turbulentas do rio Urubamba.

O hotel oferece ainda roupão e um par de pantufas ao hóspede para que ele se sinta realmente em casa. O quarto ainda contava com uma pequena varanda que dava para o rio Urubamba, o que deu um charme todo especial para nossa noite de descanso – dormir ao som das águas do rio foi extremamente relaxante.

No dia seguinte, tomamos café da manhã que estava incluído em nossa reserva. O café é servido no térreo, próximo à recepção do hotel e começa cedo, justamente porque muita gente acorda cedo para poder subir Machu Picchu nos primeiros horários. No café foi servido o básico como frutas, iogurte, café e leite, pães e frios. O suficiente para dar aquela forrada matutina no estômago.

Uma excelente dica de hotel para quem gosta de conforto. Voltando a Águas Calientes me hospedarei nele novamente, sem dúvidas.

Endereço: Av. Imperio de los Incas, s/n

Leo Vidal
Carioca, biólogo, apaixonado por música, filmes e sempre disposto para novas viagens. Compartilha suas dicas de viagem há mais de 5 anos, sempre antenado ao melhor da gastronomia e hotelaria.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *